sábado, 5 de junho de 2010


'Ela respirou fundo
E tomou a decisão que tanto protelara.

Olhou bem ao redor.
Absorvou cada gole daquilo tudo que fazia tão bem
Mas de uma forma maluca, também trazia dor.

E seguiu.
Levando na bagagem momentos partilhados,
sonhos não realizados
e uma vastidão de sentimentos inexplicáveis.


Com lagrimas nos olhos e sorriso nos lábios pensava:

- Viver ainda é a mais gostosa das incertezas!'



Ni...

10 comentários:

Kakah* disse...

Gostei (:

BJinhuss

Gil disse...

gostaria de conseguir tomar algumas decisões também... Mas algumas coisas demandam mais tempo que outras. Belo texto. Um abraço poético.

Geraldo de Barros disse...

e como!!

que lindo poema, gostei muito =)


do lado de cá um beijo,
G.

Sil.. disse...

Tbm acho que viver, é ainda a mais gostosas das incertezas.

Voce escreve lindamente!!

Me encontrei em muitos textos aqui, volto depois pra ler tudoooooo, pois já estou de saida.
Bem vinda Ni, prazer fazer mais uma amiga!!!

ErikaH Azzevedo disse...

Coisa mais linda és tu menina.

Adoro essas certezas e forças no prosseguir, esses olhos atentos no adiante, olhos de fé, de esperança...olhos de vida! Adoro.

Meus beijo a ti amora.


Erikah

Anônimo disse...

Sem dúvida um dos mais bonitos que já vi por aqui e tomei susto com a música tocando do nada, mas é boa também! rs

Beijo, Ni.. Se cuide sempre!

Eder

Juliano disse...

Aquilo que nos faz bem, uma hora ou outra, sempre acaba nos trazendo dor, porém sempre vale a pena, por tudo o que vivemos.

Beijoos de saudades Nih

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Estou seguindo seus rastros,Ni, nessa gostosa incerteza que é viver. beijos

Be Lins disse...

Viver é meio brincar de casinha, ou de cineminha, com a vantagem de podermos mudar uma coisinha ou outra todo dia.


Beijo

Emely disse...

COM CERTEZA