segunda-feira, 31 de maio de 2010

'Ela rodopia, dança, vibra
Nas notas de uma canção secreta
Que só ela escuta.

Ela sonha, sorri, ama
Com a gana de uma felicidade
Que só ela sente.

O mundo todo é contagiado
Com a intensidade absurda
Dos sentimentos que brotam
Daquele coração.

...E que como é gostoso sentir
os sentimentos se espalhando no ar...!
'



Ni...

3 comentários:

ErikaH Azzevedo disse...

E ela nem sabe, e ela nem sente o que eu acabei de sentir...qu ela pode ser tb...eu! Que ela vive tb dentro de mim.

Saudades da menina Ni...dos nosos encontros casuais entre palavras e sentires iguais.

Meus beijos a ti!

Erikah

Eder disse...

O que gosto em você é que escreve com emoção de fato, dispensa aquela porcalhada de palavras difíceis em expressões confusas e profundas, pro inferno com "compele-me com a cor de teus continentes" você retira a complexidade que as pessoas procuram em algo pra afirmar que é "boa escrita" e escreve como se estivesse com o peito aberto.. Gosto disso, me soa sincero.. comentando aqui, não precisa agradecer e isto serve pra vc ter a certeza de que não te esqueço também, né? rs

Beijo, Ni..

Gil disse...

Que lindo! vc anda mesmo bem inspirada hein...srs..parabéns.