domingo, 25 de outubro de 2009


Há tanta presença nesta tua ausencia.


[...]


E nesta ausencia tão presente
começo-terminando a minha estrada...!


Ni...

9 comentários:

Marcelo Mayer disse...

the long and winding road....

Bia disse...

Olha eu aqui mana!

Amo tu!
Beijo!

Y a s h a disse...

Li e corri pro celular para mandar uma mensagem. "Há tanta presença nesta tua ausência." Era realmente o que eu queria dizer.

:*

Felipe Braga disse...

Adoro as relações que você faz, entre presença-ausência, tudo-vazio.

Sempre lírica, linda.
Beijos.

falkbrito@gmail.com disse...

Há bastante.

(Carlos Soares) disse...

Mesmo na solidão não estamos sozinhos. Há um querer, uma saudade. Vazio é quando não pensamos em nada,ou alguém. Ai´sim,é dose Parabéns. Lindo como sempre.bjs

Lua disse...

Adorei esse!

Boa semana, beijos Ni.

Silvana Nunes .'. disse...

Maravilha o seu cantinho.
Na intenção de divulgar o meu trabalho, cheguei até você.
Gostei muito do seu espaço. Eu não estou podendo ler tudo de uma vez porque a tela do computador atrapalha um pouco a minha visão, mas certamente voltarei mais vezes. O meu oftamologista pediu que desse um tempo da telinha... e eu sou fraca ?
O meu território já está demarcado.
Convido a dar uma espiada em "FOI DESSE JEITO QUE EU OUVI DIZER.." ( o seu cantinho de leitura), em:
http://www.silnunesprof.blogspot.com
Terei sempre uma história para contar.
Saudações Florestais !

Maryama* disse...

Nossa. que lindo. me identifiquei tanto!