quinta-feira, 15 de outubro de 2009


Fecho os olhos, me encosto em teu peito.

Ouço o teu coração falando tanto
No silencio deste momento...



Ni...

15 comentários:

Glau Ribeiro disse...

Ai Ni, to precisando de um pouco disso viu. Cumplicidade. Aconchego.

Carinho.

Bejo!

Jaya disse...

Às vezes queria tampar os ouvidos para não ouvi-lo. Ele tem ganhado muita voz do lado de cá.

Um beijo, Ni.

Sumidíssima.

Dilean de Bragança disse...

Que delícia Ni...
Pouco que diz tudo!

Meu carinho e afeto sempre.
Bjus

Marcelo Mayer disse...

olá! obrigado pela visita! gostei de seus poemas. curtos, mas grandes. parecem mesmo diálogos espontâneos. sensações de falar oq deveria ter sido dito faz tempo.

voltarei sempre!

bjs!

Kakah* disse...

Olá...
Belas palavras! ^^
Me caiu como uma luva! :)
Vlww

Bjinhuss

Juliano disse...

Somente o coração pode falar no silêncio, e somente outro coração é que pode ouvilo. Lindo

Beijooooos Ni.!

Felipe Braga disse...

Palavras bailando no silêncio, ecoando no peito um sentimento eminente.
Tudo aqui é muito bonito, Ni.
Parabéns.
Beijos.

Lua disse...

"Fecho os olhos, me encosto em teu peito." Sempre faz bem!

E adorei a nova foto do blog.
beijoos!

falkbrito@gmail.com disse...

"No silêncio deste momento...". Siêncios que constroem segredos.
...
Obrigado pela visita e pelo carinho. Vistarei você outras vezes. Beijos!

Teu Olhar... disse...

ai Ni, e como é bom ouvir esse silêncio...

vim te dar beijo e me perdi aqui, é tanta saudade batendo com as q sinto...

beijo, linda...
Ana...

Maryama* disse...

Delicadamente forte, Ni :)

Tem um selinho pra você no meu blog. Espero que goste ;*

Brunna disse...

Poucas palavras que dizem o que muitos estão a sentir.
Lindo!
Beijos

Verônica disse...

Muito lindo, eu adorei!

Junior Bellé disse...

Poxa, muito bonito isso.

Gabriela M. disse...

encaixou aqui também ;)