segunda-feira, 28 de setembro de 2009


Sua voz ecoa em meio ao meu silencio.

Sentimentos se agitam em uma intensidade incomum, mesmo para mim que sempre sou tão intensa e exagerada.
Lá dentro volta a pergunta, [aquela que passo horas durante o dia escondendo na ansia de apaga-la da mente] fazendo eco novamente:

- Como lidar com um pertencer que só faz crescer?

Mesmo os momentos que passo ao teu lado são saudosos. Por que no fundo, sei que este momento vai acabar e voltará a existir o buraco dolorido da solidão.
Mas, ao mesmo tempo, sinto meu coração se expandindo de uma forma grandiosa para caber estas sensações que o tempo só faz crescer.

Esta plenitude, que encontro apenas de saber que você está em algum lugar pensando em mim, faz com que os quilometros se transformem em centímetros...
Sinto, lá no fundo do coração, que a distancia é praticamente nula, afinal, você mora aqui, onde mais importa, que é dentro de mim. No espaço-maluco-interno deste coração que não sabe mais viver sem tua presença.

Me embriago neste amor tão menino que me faz cada dia mais mulher...!


Ni...

14 comentários:

(Carlos Soares) disse...

"Amor que me faz cada dia mais mlher". É a mulher em constante evolução sensual,romântica,atrevida,amante e amada. LIndo. bjs

Gabriela M. disse...

amor (de gente) grande. (oude qualquer gente?)

Juliano disse...

Niiiiiiiiiii.! *.*

A distância é nula quando a pessoa está em nosso coração.! Lindo de mais.!

Beijoooos e ótima semana !

Jester disse...

A distância não existe, Ni. A distância é só uma mentira inventada e que insistem em contar e contar de novo.
Importam, na realidade, os infinitos momentos nos quais nos debruçamos sobre alguém em pensamento, com dolorido afeto.
Linda foto! Blog maravilhoso!

Roberta Blá disse...

" Me embriago neste amor tão menino que me faz cada dia mais mulher...! "
que liiindo!
a-do-rei
beeeijos

Felipe Braga disse...

"Me embriago neste amor tão menino que me faz cada dia mais mulher...!"

Ah, mulheres, vós sois tão sensíveis.
Me embriago com tuas palavras.
Adoro tudo por aqui.
Beijos.

Y a s h a disse...

Assim você acaba comigo, flor.

"Esta plenitude, que encontro apenas de saber que você está em algum lugar pensando em mim, faz com que os quilômetros se transformem em centímetros... Sinto, lá no fundo do coração, que a distancia é praticamente nula, afinal, você mora aqui, onde mais importa, que é dentro de mim. No espaço-maluco-interno deste coração que não sabe mais viver sem tua presença."

Se você me conhecesse você riria da semelhança das histórias. Se eu quisesse não escreveria algo tão meu quanto isso. Meu número, no ponto. Nem um centímetro a mais, nem um centímetro a menos.

beijo, beijo.

Jaya disse...

Desculpa, mas não tenho letras para isso. Meu elogio é esse, um silêncio ensurdecedor, que fez do lado de cá.

Um beijo, Ni.

Kakah* disse...

Olá...
Bom,
Linda foto e juntamente com um texto tão belo...
Gostei muito! (:
Bjinhuss

Intimidador. disse...

E existe distância quando se fala de amor, minha princesa? Não existe, não.
"Esta plenitude, que encontro apenas de saber que você está em algum lugar pensando em mim".
Tem coisa mais gostosa que isso? E a resposta da tua pergunta: SENTINDO. Sempre, sem parar, e sem medir consequências, porque no fim, elas vem de um jeito ou de outro e a gente aprende a lidar.

Um beijo, menina linda.

Maryama* disse...

M-A-R-A-V-I-L-H-O-S-O!
Só isso que posso dizer.

Antonio disse...

Quando te leio vejo teu rosto pleno de emoções, teu sorriso encantador, sinto um arrepio, minh'alma se alça em vôo ao infinito, um sopro de felicidade me envolve por inteiro e eu sonho com um amor tão intenso quanto o que abrigas em teu coração.
Carinho eterno e um beijo com sabor de trufas.

Intimidador. disse...

Vem ser presença. Saudade.

Jester disse...

Poxa, mas que foto linda mesmo! Será que vc se importa de eu "emprestá-la"?