terça-feira, 12 de maio de 2009


Mesmo estando longe,
sinto teu cheiro impregnando meus sentidos.

O deslizar das tuas mãos encontrando cada reentrância na ânsia de abrigar-se e fazer parte de mim...

Meu corpo estremece ao imaginar
este toque tão sonhado, tão desejado.

Vontade de implorar que deixe o mundo e venha...

Venha se entregar a loucura
que é o encontro de nossos corpos sedentos de desejo...

Venha encontrar abrigo no meu recanto mais secreto...

Venha parar que o tempo no momento do nosso abraço...

Venha me assegurar
que necessita do meu corpo como preciso do teu...!

Ni...

7 comentários:

Taiina* disse...

Vontade de implorar que deixe o mundo e venha...

É a minha maior vontade "/

Lindo o texto, demais!

Beijos

Maria Fernanda disse...

Quanto desejo reprimido.

Atreyu disse...

Venha! Infinito e Venha
Le Brah
Combinou com seu poema!!!
Lindo viu!

Gaby disse...

"Meu corpo estremece ao imaginar, este toque tão sonhado, tão desejado."

- A melhor parte.

Adorei o texto.

Beijos

sel disse...

Oi...parece até o momento que vivo neste instante...
"Diga que vc me quer que eu digo tbém..."soou assim!!!!!bjos linda!

Hosana Lemos disse...

desejos e saudade é uma mistura perigoso, faz a gente sonhar acordada...faz implorar para que a idéia da mente e o do corpo tomem vida!

Ni ... disse...

Taiina...
Quando amamos queremos ter perto... sempre... rs

Maria Fernanda...
Não são reprimidos, só curdidos a distancia... rs

Atreyu...
Realmente... complementou... rs
Obrigada, moço...

GAby...
O toque do amado é sempre tudo de muitooooo bom... rs...

Sel...
As vezes esperar pode atrapalhar tudo... tenho tentado aprender a dizer o que sinto e preciso...
Saudade de ti...

Hosana...
O bom é quando realmente tomam vida... rs

Beijo e mais beijos...