sábado, 23 de maio de 2009

Mais uma vez me encontro
alinhavando fragmentos soltos,
tentando compor mais um capítulo sobre quem sou.

Encontro pedaços de uma intensidade
parcialmente controlada, mas ainda indomável.

Descubro um caquinho de solidão,
que se dissipa quando penso no quanto sou amada.

Lá no cantinho, quase escondido,
encontro um resquício de coragem.
Pequeno, mas que com certeza,
fará toda a diferença na composição...

Finalizo unindo tudo com a linha da esperança
E descubro que a força indestrutível da felicidade
ainda habita em mim...!

Ni...

5 comentários:

Felipe Braga disse...

Esperança é a palavra! Quando se mistura com intensidade... vem coisa boa por aí.

Juliano disse...

A linha da esperança. Ela tem que estar sempre alinhavada com você..

bjooooooos

Beatrix disse...

vc,com algumas poucas e sinceras palavras,consegue trazer luz,conforto pra mim sempre q venho aqui.
é sempre bom saber que as coisas podem melhorar e que existe gente que tem força de vontade pra se reconstruir,pra juntar os cacos e parecer nova dnovo.Isso me faz querer continuar.não me deixar pensar em desistir.

;*

Jaya disse...

Pena que demora.
Pena, mesmo.

Beijo, Ni.

sel disse...

Sim...sim..sim...apesar de termos estes cacos que precisamos juntar...sempre bem lá no fundo está nossa amiga esperança,o que nos ajuda a seguir rumo a felicidade!bjos linda!