terça-feira, 19 de agosto de 2008


Sinto-me cortada pela lamina afiada
Desta saudade que invade o peito.

Os cílios sentem o peso da ausência
transformada em lágrimas...

Lágrimas que escorrem na face,
Transformando em oceano o coração.

Mas nas memórias encontro meu alento.

É na lembrança do teu calor que aqueço minha alma,
Sentindo a pele tatuada pelo fogo dos teus beijos.

Em teus braços, reencontro meu lar.

Ni...





Que delícia receber mimo.
O sorrisão abre enorme por aqui :-)
Agradeço a Ana Amélia e a Maria Fernanda!!


"Com o Prêmio Dardos se reconhecem os valores que cada blogueiro mostra cada dia em seu empenho por transmitir valores culturais, éticos, literários, pessoais, etc…, que em suma, demonstram sua criatividade através do pensamento vivo que está e permanece intacto entre suas letras, entre suas palavras.”
E possui três regras:
1–Aceitar e exibir a imagem
2–Linkar o blog do qual recebeu o prêmio
3–Escolher 15 blogs para entregar o Prêmio Dardos
Repasso para:

8 comentários:

Leonardo Werneck disse...

Bonitas as suas palavras!

Beijos

Aline disse...

Será q eu te amo muito, mãe?
Amoooooo
De um tanto q nem sei dizer quanto... mas q é vedadeiro!
Beijinhos de algodão doce
=^^=

Francine Esqueda disse...

Oie...Como vai?
O Sábado também está ensolarado por ai!?... Eu vim fuçar e agradecer sua visita nas minhas TERAPIAS EXPRESSIVAS!
APROVEITE MUITO O FIM DE SEMANA!
Beijos e bençãos

ALF disse...

Ah Querida Ni, esse prêmio é reflexo do talento que você tem em expressar sentimentos em versos. Linod. Merecidamente.

;0

Beijos

Marisa Vieira disse...

Lindona, passei por aqui para registrar minhas saudades de ti!
E como sempre tudo muito belo por aqui!

beijoPoesia*

PS. Parabéns pelo prêmio e obrigada por me indicar, o que faço copio e coloco no meu?rs Ou apenas minha gratidão lhe cai bem?

Luciana Clarissa disse...

quanta saudade,
dá até para sentir.

BEIJOS :)

Ana Luisa disse...

Nossa, que lindo e real pra mim.

"Mas nas memórias encontro meu alento. É na lembrança do teu calor que aqueço minha alma, sentindo a pele tatuada pelo fogo dos teus beijos".

Essas lembranças nem sempre me fazem bem, por me remeterem a algo que não pude perpetuar, embora a vontade fosse muita, mas ao mesmo tempo são maravilhosas. É ótimo saber que valeu a pena de alguma forma.
Vc é demais. Adorei!

beijão.

Ni ... disse...

Leonardo...
Foram escritas com o coração...
Fico feliz que tenha gostado!


Aline...
Amo vc menina linda!!!


Francine...
Obrigada por retribuir a visitinha... rs...
Aqui o sábado foi lindão :-)


Alf...
Pra mim é um enorme prazer poder compartilhar com vc, afinal seus escritos me fazem sonhar...


Marisa...
Estou com saudade também lindona!!
E o certo é você indicar outras pessoas para receber o prêmio, assim como expliquei na descrição do mesmo... ;-)


Luciana...
A saudade sai mesmo pelos poros... rs


Ana Luisa...
Quando amamos a dor da saudade se torna, de certa forma, semelhante...
Fico feliz que goste dos meus escritos, pq gosto demais dos teus ;-)

Beijo e mais beijos